Arts

A feira de arte mais concorrida do mundo

  |   0 Comentários Partilhar Artigo no facebook

E porque é tão grande e abrangente desdobra-se 3 vezes ao ano, espalhada por 3 continentes. A Art Basel foi fundada em 1970 por um grupo de galeristas de Basileia.


Em 2002 levaram o certame para Miami para que o público americano não precisasse de vir à Europa; o próprio mercado americano de arte tem as suas especificidades e esta deslocação fazia todo o sentido.


Mais recentemente, em 2013, a feira estreou-se em Hong Kong, certamente devido ao boom económico que o Extremo Oriente tem conhecido na última década.


A Art Basel é a feira da modernidade e da contemporaneidade por excelência. Em cada show, tudo o que de mais recente e desejável no mundo artístico é mostrado nas três cidades. E não é fácil fazer parte do leque dos escolhidos em exposição: vários galeristas e curadores internacionais divididos por vários comités avaliam cuidadosamente cada proposta das galerias candidatas. E são muitas, só o facto de se ter exposto na Art Basel é por si uma mais-valia preciosa.



Todos os anos qualquer galeria se pode candidatar, e são obrigadas a recandidatar-se sempre que participem. Não existem lugares marcados, por muito boa que tenha sido a prestação na edição anterior.


Para além das galerias em exibição, existe o eixo Features, onde um artista a solo ou um grupo de artistas têm a oportunidade de mostrar trabalho ao tema, ou por nacionalidade ou sob uma qualquer categoria.



No Statments estão presentes artistas a solo, desde que tenham um trabalho meritório, sejam jovens e emergentes; existe um braço da feira dedicada apenas a editores e livreiros que trazem livros, gravuras e impressões, ou mesmo micro-mostras das suas colaborações com outros artistas. O eixo Unlimited é mais o recente e inovador, pela forma como as obras são mostradas, extravasando as paredes da exibição clássica. Aqui o público pode ver esculturas e pinturas de tamanho, formato ou modo de apresentação incomuns, instalações gigantes ou performances ao vivo.


Durante o show, cada cidade recebe arte espalhada pela rua, especialmente nas zonas históricas ou mais cosmopolitas. Mas todo o comércio de arte, lazer e lifestyle aproveita os 3 ou 4 dias de feira para oferecer produtos ou serviços especiais, made on purpose, ao elevado número de visitantes interessantes.



A Art Basel, na sua cidade de origem, decorre em Junho, e teve este ano um dos melhores anos de sempre. Mais de 280 galerias, das de topo, com obras de mais de 4 mil artistas.


A Art Basel in America, mais conhecida pela de Miami, é já a próxima, de 3 a 6 de Dezembro. No ano passado, contou com mais de 73 mil visitantes.


A feira da Ásia, em Hong Kong, decorrerá na Primavera. O Extremo Oriente, e Hong Kong especialmente, é um dos locais mais fervilhantes do mercado de arte.




João Galvão – Shopping Visadron